Diário da Cirurgia Bariátrica: 2 Meses

large-1

Olha quem voltou! Eu sei que estou em falta com o Blog, mas prometo que isso tudo vai se resolver agora em Março, vai ficar tudo LINDO! Não me odeiem.

E hoje eu voltou falando sobre minha Cirurgia, sim, está completando exatamente dois meses que eu fiz a Bariátrica e eu resolvi contar como está sendo minha rotina nesse momento.

Eu já fui liberado pra comer de tudo, então não há mais restrições de alimentos, logicamente que eu devo manter uma dieta balanceada ou apenas ter feito a cirurgia não vai resolver muita coisa. Eu não consigo comer um prato todo de comida, e ainda não faço ideia de quanto é a quantidade ideal para que eu me sinta saciada então eu apenas coloco a comida no prato e faço minha refeição até eu sentir que não aguento mais comer, pode parecer errado, mas é a única maneira que eu sei que vou comer o tanto que meu corpo e organismo necessitam sem passar mal ou ficar sem nutrientes depois.

Até agora eu não tive nenhum tipo de problema com a minha alimentação, consigo comer de absolutamente de tudo, no primeiro mês eu admito que foi difícil ingerir alimentos com açúcar, a experiencia não foi uma das melhores da minha vida e desde então eu tenho tentado consumir o minimo possível de tudo que possa conter açúcar que não seja natural, como o açúcar das frutas. Tenho uma dificuldade enorme em comer ovo cozido, não desce de jeito nenhum, por mais que eu tente acabo me sentindo “entalada” literalmente e acabo passando muito mal.

Essa nova etapa é aquela da qual a gente quer experimentar de tudo para saber se o nosso organismo vai rejeitar alguma coisa durante o processo, então normalmente nos primeiros meses da cirurgia é quando tentamos comer algumas das coisas que comíamos antes de submetermos a Bariátrica e foi exatamente isso que eu fiz. Com muito receio e principalmente com medo de que o peso retorne ao do começo, eu tentei experimentar coisas que antes eram completamente comuns para mim, como pizza e hambúrguer e o veredito final? Eu passei mal. Talvez daqui há alguns meses eu não tenha mais esse problema, mas a sensação logo após comer um dos dois é muito desconfortável e eu me sinto muito mal, isso porque eu não conseguir comer nem metade de ambos, porém não quero me arriscar de novo, quem sabe uma lasca de uma fatia ou uma mordida do sanduíche? Mas inteiro, ou mais da metade? Nunca mais.

Esse segundo eu não perdi a quantidade de peso que achei que poderia perder, talvez pelos deslizes que eu acabei dando algumas vezes, mas sempre mantive minha dieta e exercícios físicos frequentemente que agora se tornaram necessários todos os dias da minha rotina. Quero me focar mais nesse terceiro mês e tentar ver mais resultados do que deslizes, sou humana, então erros são normais serem cometidos exatamente para que eu possa aprender com eles e tentar não repeti-los em um futuro próximo.

Por enquanto é só isso, vou tentar fazer alguns vídeos explicando melhor sobre minha rotina e sobre a cirurgia e prometo fazer isso o mais rápido que eu conseguir.

Então vamos aos dados:
Peso Inicial – 89Kg
Peso Atual – 75Kg
Peso Ideal – 52Kg
Faltam – 23Kg

Diário da Cirurgia Bariátrica: 3º Semana

b871eccc7359b3486775a89ece696075

Ta todo mundo aqui prontinho pra zuar, libera a energia que o planeta vai girar.

Quem não assistia xuxa?

Olá Chatos e Chatas do meu Brasil, olha quem voltou! Hoje eu vim trazer mais um Post sobre minha Cirurgia Bariátrica. Estou na terceira semana de Cirurgia, sim, quase completando um mês de cirurgia feita e eu vim contar pra vocês.

 

Após 3 semanas de cirurgia, eu finalmente cheguei a terceira fase da dieta que é a dieta pastosa, nessa etapa eu já posso me alimentar um pouco com comida sólida, mas um sólido em uma forma mais pastosa do que realmente sólida. Exemplos? Arroz papado – daqueles que você cozinha umas 5 vezes? – feijão batido, purê de legumes bem amassados com pouco sal e carne moída ou desfiada. Além de vitamina de frutas, sempre com leite desnatado ou frutas raspadas para os lanches.

Até agora não estou tendo nenhum tipo de problema com a alimentação, não sinto fome, pois o que eu como já me sustenta o bastante e me sinto cheia com facilidade, não tive problemas em comer absolutamente nada estou conseguindo me alimentar com basicamente tudo que minha dieta permite. Não tive nenhum problema com refluxo, vomitos ou dor no estômago – Graças a Deus – está tudo perfeito.

Fui liberada pelo meu cirurgião para está fazendo exercicios aeróbicos, como bicicleta, caminhada, natação e esteira. Musculação apenas 45 dias após a cirurgia. Hoje dia 23/01 fiz minha primeira caminhada e alguns minutos depois de voltar para casa me senti muito fraca e passei um pouco de mal, motivo? Não há nutrientes ainda o suficiente em meu sistema para que eu esteja com minha força de volta, por este motivo apenas exercicios aeróbicos para que eu me acostume com eles e com minha alimentação para criar minha força novamente.

E quanto ao peso? Em 18 dias se foram exatos 10kg!
Se eu estou feliz? Estou dando pulos de alegria!
Dia 02/01 – 89kg
Dia 19/01 – 79kg

E ainda tem muito pra perder! Comendo bem devagar, tudo com muita calma, mastigando várias e várias vezes, tudo de 3 em 3h e a minha vida vai continuar mudando.